Baby
Tanto a aprender
Meu colo alimenta a você e a mim
Deixa eu mimar você, adorar você
Agora, só agora
Por que um dia eu sei
Vou ter que deixá-lo ir!
Sabe, serei seu lar se quiser
Sem pressa, do jeito que tem que ser
Que mais posso fazer?
Só te olhar dormir
Agora, só agora
Correndo pelo campo
Antes de deixá-lo ir!
Muda a estação
Necessário e são
Você a florescer
Calmamente, lindamente…
Mesmo quando eu não mais estiver
Lembre que me ouviu dizer
O quanto me importei e o que eu senti
Agora, só agora
Talvez você perceba
Que eu nunca vou deixá-lo ir!
Que eu nunca vou deixá-lo ir!
Eu não vou deixá-lo ir!

Este está sendo um momento difícil, daqueles em que o desabafo começa e termina dentro da alma. Não há necessidade de exteriorizar nada para ninguém, as pessoas só sabem julgar e costumam ser mais intolerantes com as pessoas próximas.
” A dor mais fácil de se suportar é a dor do outro!”

Quando se toma consciência de que existe um divino dentro de nós, porque se preocupar? A vida ainda é um grande teatro e em alguns dias eu só quero uma pausa, só quero que a peça acabe e eu possa voltar para casa. Poder ser eu mesma, não aquele eu que nessa vida tem um nome, um RG, paga impostos e é mortal; mas voltar para casa – realmente casa, rever minha mãe, abraçar meu avô e ter uma visão menos ” cabrestica” da realidade.

 Nunca estive tão cansada das pessoas! Não é um momento revolta – é só uma constatação – apenas parece que qualquer coisa divina na Terra morreu e nunca mais vai voltar. Eu tento, mas em alguns dias é difícil ficar de pé em meio a um Tsunami. ” Sê teu próprio amigo!” – maldito o homem que confia no homem. Quantas chances eu vou dar para que as pessoas errem again and again, and over again… É tão fácil foder com a vida alheia, as pessoas nem pensam mais nas consequências. O que esperar de uma geração que acredita que tudo é virtual, que se pode fazer sexo no banheiro do colégio, roubar é normal, jogar carteiras nos professores, acabar com a vida nos viadutos cheios de drogas, onde se mata mesmo sem reação a um assalto… Uma geração onde o egoísmo está acima de tudo e onde os alicerces que tornam a sociedade minimamente civilizada são considerados desnecessários. Estamos voltando a barbárie! Uma geração de crianças crescidas onde a Lei da Ação e Reação parece não se aplicar. Pessoas inaptas para serem produtivas, responsáveis e assumirem as consequências de seus atos. Uma geração cega e inconsequente.

O apocalipse está chegando e não me contaram!Deve ser 2012, se for, limpem a Terra por mim – ela está PODRE graças as pessoas.  Deve ser mais uma daquelas ironias do plano astral, para o meu mentor rir da minha cara novamente. Em alguns dias eu acho que ele tem uma espécie de humor sádico, assim como a minha querida e falecida mãe que vem nos meus sonhos conversar, e na hora do batente a escrava aqui (que não sabe para onde está indo mas graças a uma educação repressiva espírita-cristã que me faz acreditar que tudo de errado que eu fizer terá como consequência um dos “vales com ranger de dentes”- vales onde o sofrimento está aprazível com a energia do desencarnado com um menu que vai desde o vale dos suicidas, até aborteiros, homicidas, adúlteros, abusadores do sexo e etc. – temos ” infernos” para todos os gostos… ) acorda para a realidade e vê que prometer o que quer que seja no astral é muuuito simples. A vida aqui- na prática – é uma brincadeira sádica!

 – Seja obediente a Deus! – ok.-

Agora seja clarividente e tente adivinhar o que ele quer de você, qual é a sua missão.
Não erre, não pise ai, você prometeu, eu sei o que faço e você só precisa ser um fantoche – mesmo eu te dotando de inteligência, não questione!! Não era para você ficar com essa pessoa, mas com aquela, seu livre-arbítrio é lenda urbana – você está ai para fazer o que eu determinar.  Não deu certo? Culpa sua que está fugindo do que eu planejei para você. Perdoe, siga os exemplos de Cristo, faça caridade, siga a bíblia, os 10 mandamentos e no fim você descobrirá que não tem estômago porque eu te cobro um grau de perfeição muito alto, afinal eu sou Deus. E no meio do caminho para ficar interessante, mandarei inimigos, desastres naturais, imprevistos e entrarei em êxtase e deleite enquanto tu, mero mortal me entretem como se sua vida novelística fosse a nova temporada de LOST. –

Até Deus me sacaneia! Porque eu deveria esperar alguma misericórdia de seres que são a imagem e semelhança Dele?

Quem me conhece sabe que geralmente tenho uma frase de auto-ajuda, onde tudo se resolve, tudo passa e etc… Mas não dessa vez. Apenas uma decisão – apesar do meu momento indignação com o astral – de ir até o final para variar. De suprir as expectativas Dele, de esquecer que eu sou humana, de tentar não sentir. Será que tanta obediência me adiantará de alguma coisa algum dia? Se ele me disser no fim dessa vida ” Não reencarne mais! Fique aqui conosco!” – Pode ter certeza de que eu não piso nesse planetinha de merda nem pra visitar meus filhos!

Em alguns dias eu só gostaria de saber o que eu fiz pra um monte de gente que meio que me persegue na tentativa de ver quem consegue me ferrar da pior forma possível. Eu não tenho o direito de fazer o inocente pagar pelo pecador, mas tenho o dever de fazer algumas pessoas colherem o que plantaram. Dizem que Deus não é bom, que ele é justo… estão está na hora do troco. Tudo tem limite e eu já cheguei no meu. Antes eu pensava :” vamos ser legais, confie mais nas pessoas, todos erram… ” – agora eu penso: ” quem não cuida, perde e vá adubar a vida da vaca da sua mãe! Me erra, faz o favor e se atropelar minha vida de graça vai receber o triplo!”

Só agora eu abri uma bela lata de lixo e mandei um monte de gente ó – pro limbo! E vou mandar muito mais! Só agora o que importa é ser feliz e não ter vergonha disso, a família – a minha, não a que eu nasci- e recusar qualquer tipo de intromissão de seres humanos desocupados.
Sim, eu vou ser egoísta e bem realista e manter fora tudo aquilo que não presta! Cansei de ser boazinha Sr meu Deus. Agora está na hora da retaliação! Para quem já deu tanto de si, migalhas não bastam! Sofra com a sua consciência e se remoa, porque se você tentou me atingir, vai aprender que os fortes seguem em frente (gostando ou não) e que covardes como você choram e ficam sem ação. E eu sou forte. E quem é forte não tem medo, não vacila e segue em frente. Fez, agora limpa! Mas quem fica e quem sai da minha vida ainda é uma escolha – graças a Deus – Exclusivamente minha! Eu não preciso de ninguém, nem de conselhos, nem do seu passado podre… viva e morra na sujeira, eu vou sair intacta pra variar, vou estar longe de qualquer forma de contato ou consciência sua.

E você…
Pra variar.

Está FORA! 

Anúncios